- PUBLICIDADE -

Vigilância Sanitária fiscaliza produtos da Operação Carne Fraca em Balneário Camboriú

A fiscalização constatou que grande parte dos estabelecimentos não trabalham com os frigoríficos citados na Operação

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191

Fiscalização Carne e Frios Fazenda Celso Peixoto 1
Divulgação

Os fiscais da Vigilância Sanitária de Balneário Camboriú percorreram nos dias 30 e 31 de março e 1º de abril os supermercados, mercados, mercearias, açougues e padarias da cidade. A ação teve como foco verificar a venda de produtos da Operação Carne Fraca nos comércios alimentícios no Município.

A fiscalização constatou que grande parte dos estabelecimentos não trabalham com os frigoríficos citados na Operação, sendo eles: TRANSMEAT Logística, Transportes e Serviços Ltda, frigorífico Souza Ramos Ltda, Peccin Agro Industrial Ltda de Curitiba e Jaraguá do Sul.

Em apenas dois estabelecimentos da cidade foram encontrados produtos destas marcas (salsichas), porém nos dois locais os produtos não estavam mais expostos e já estavam com nota fiscal de devolução emitida.

Fizemos esta ação para verificar a existência desses produtos nos estabelecimentos de Balneário Camboriú e ver se os comerciantes estavam fazendo a devolução dos mesmos, conforme determinação do Ministério da Agricultura. Com isso, podemos tranquilizar a população de que os alimentos consumidos aqui, não fazem parte da Operação Carne Fraca”, disse a diretora da Vigilância Sanitária, Jeanine Gamborgi Ramos.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.