- PUBLICIDADE -

Adolescentes que estavam desaparecidas são localizadas

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

Foto: Núcleo de Prevenção as Drogas e Pedofilia / Divulgação
Fotos: Núcleo de Prevenção as Drogas e Pedofilia / Divulgação

Duas famílias voltaram a sorrir na tarde desta sexta feira (06). Duas adolescentes que estavam desaparecidas já foram localizadas pelo Conselho Tutelar de Balneário Camboriú, através da Conselheira Franciele Leão.

T.L.P., 14 anos, moradora do bairro Nova Esperança, havia saído de casa no dia 31 de maio, deixando um bilhete de despedida.

Já a adolescente M.C., 17 anos, saiu de casa na noite de quinta-feira (05) para ir a escola. Como estava chovendo, seu pai a deixou no portão, por volta das 18h, e voltou para casa. Porém, ela não havia retornado no costumeiro horário. Preocupados, os pais procuraram a filha pelo Bairro e não encontraram. Foram na casa de uma colega da escola e esta informou que teve apenas duas aulas e ambas foram até uma locadora no Bairro Areias, sendo que em seguida ela foi embora e M.C. permaneceu no local. E para aumentar a aflição, seu celular estava desligado. Foi então que a senhora Roseli, mãe da menina, procurou o Conselho Tutelar e o Núcleo de Prevenção na manhã de sexta-feira em busca de ajuda.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.