- PUBLICIDADE -

Itajaí recebe seis peças de Ésquilo em apresentações gratuitas

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

esquiloAs seis tragédias gregas do dramaturgo considerado o criador do teatro mundial serão apresentadas gratuitamente na cidade portuária nos dias 19, 20 e 21 de março. A Cia Club Noir é quem responde pelo projeto Peep Classic Ésquilo, que apresenta todas as tragédias do autor. Serão duas peças por dia, totalizando as seis do projeto. Esta é a primeira vez no Brasil (e também no âmbito internacional) que uma companhia encena todas as obras do primeiro autor da história do teatro. O projeto foi contemplado pelo Programa Petrobras Distribuidora de Cultura 2013-2014 e, além de Itajaí, irá circular por oito cidades brasileiras. O patrocínio é da Petrobras e do Governo Federal.

Os espetáculos terão entrada gratuita e serão realizados no Teatro Municipal (Rua Gregório Chaves, 110, Fazenda), sempre a partir das 20h30min. “As obras serão apresentadas de uma maneira surpreendente, que potencializa radicalmente a pesquisa da companhia: todas as obras serão encenadas dentro de um cubo formado por linhas metálicas, sem trilha sonora alguma, explorando as inúmeras modulações e texturas das vozes dos atores, e tendo como iluminação apenas uma única lâmpada fluorescente, que delineia tenuemente a imobilidade das figuras em cena”, explica o diretor Roberto Alvim.

O projeto Peep Classic Ésquilo pretende proporcionar ao público uma experienciação estética imprevisível e autônoma, através do diálogo com obras de arte que se localizam fora de qualquer tempo específico ou contexto cultural.

Palestra e debate
Além da apresentação das seis tragédias gregas, a companhia Club Noir também fará uma palestra com o diretor Roberto Alvim na quinta-feira (20/3), às 16h, no Teatro Municipal de Itajaí. Ele falará sobre “O Teatro Grego: origem e contemporaneidade”. Diretor, professor e dramaturgo, Roberto Alvim, traçará um panorama histórico das origens do teatro na Grécia antiga; os sentidos do fenômeno trágico; e os desdobramentos e diálogos da poética fundante de Ésquilo na contemporaneidade (nos âmbitos filosófico e artístico).
No mesmo dia, após a apresentação das peças, os atores da companhia Club Noir conversarão com o público. O elenco do projeto Peep Classic Ésquilo falará com o público local sobre as peculiaridades da atuação em tragédias, sintetizando a pesquisa que envolveu o grupo durante a montagem dos espetáculos. Ambas as atividades são oferecidas gratuitamente.

Serviço
O quê: Projeto Peep Classic Ésquilo, da Cia Club Noir de São Paulo
Quando: dias 19, 20 e 21 de março, às 20h30min
Onde: Teatro Municipal de Itajaí
Entrada: gratuita
Apoio Cultural: Sesc Itajaí
Produção local: Téspis Cia de Teatro

Cronograma
Primeira noite (19/3 – quarta-feira)
“As Suplicantes” e “Os Persas”
Duração: 50m
Faixa etária indicada: 18 anos

Segunda noite (20/3 – quinta-feira)
“Orestéia I” e “Orestéia II”
Duração: 50m
Faixa etária indicada: 18 anos

Terceira noite (21/3 – sexta-feira)
“Sete contra Tebas” e “Prometeu”
Duração: 50m
Faixa etária indicada: 18 anos

Sobre as peças
As Suplicantes:
É a primeira peça que se tem registro em toda a história do teatro. A obra proporciona a experienciação do dilaceramento de indivíduos pelos turbilhões incontroláveis das pulsões: a sexualidade como enigma indecifrável. Sinopse: Um grupo de mulheres, fugindo desesperadamente de um grupo de homens que querem desposá-las, buscam refúgio em um país estrangeiro.

Os Persas:
Aqui o retrato do dilaceramento pela guerra de toda uma civilização. Sinopse: O gigantesco império persa, liderado por Xerxes, é aniquilado pelos gregos.

Sete Contra Tebas:
A obra conduz à escolha deliberada pela morte como forma de se irmanar ao medo do implacável. Sinopse: Um exército comandado por sete guerreiros monstruosos tenta invadir e destruir a cidade de Tebas.

Prometeu:
É a proposição de uma habitação da vida (que ecoa a visão do filósofo pré-socrático Heráclito) cuja configuração é a de alteridade radical em relação a modo hegemônico de estruturação psíquica. Sinopse: Por dar o fogo aos homens, o deus Prometeu é acorrentado por outros deuses ao cume de uma montanha, onde deverá permanecer preso por toda a eternidade.

Orestéia:
A trilogia Orestéia (composta pelas tragédias: Agamêmnon; As Coéforas; e As Eumênides) é a obra final de Ésquilo. Neste trabalho, o autor grego faz seu voto inevitável – posto que incontornável – em prol do caminhar para além da pulsão de morte: não se trata aqui do retorno ao útero materno, mas sim da chegada a uma instância existencial para além do homem.

Orestéia I:
O rei Agamêmnon retorna de Tróia, após ter vencido a guerra, e é assassinado por sua esposa, Clitemnestra.

Orestéia II:
Orestes, filho de Agamêmnon e Clitemnestra, volta a casa para vingar a morte de seu pai, assassinando a própria mãe. Em seguida, sentindo a loucura se aproximar, foge.

FICHA TÉCNICA
Gênero: Tragédia
Dramaturgia original: Ésquilo
Direção e adaptação: Roberto Alvim
Com os atores da cia CLUB NOIR: Juliana Galdino, Paula Spinelli, Gabriela Ramos, Martina Gallarza, Bruno Ribeiro, Fernando Gimenes, Marcelo Rorato, Renato Forner e Ricardo Grasson
Direção de Produção: Juliana Galdino
Produção Executiva: Danielle Cabral
Produtor de Operações: Marcelo Rorato
Cenário e iluminação: Roberto Alvim
Figurinos: Juliana Galdino
Fotografias: Julieta Bacchin
Arte gráfica: Felipe Uchôa

O que disseram sobre o projeto Peep Classic Ésquilo
Folha de São Paulo (28/12/2012)
Melhor Estreia Nacional de Teatro. Encenação de tragédias de Ésquilo é dos fatos mais notáveis do teatro neste ano.

Revista Bravo
As estrelas de 2012. Indicação ao Prêmio Bravo de Cultura

Estado de SP (08/06/2012)
As Suplicantes inicia temporada de Ésquilo

Luis Fernando Ramos (professor da USP e crítico de teatro da Folha de SP)
Peep Classic Ésquilo: quase teatro, ou muito mais que isto: teatro transformado em arte contemporânea.

As seis tragédias gregas do dramaturgo considerado o criador do teatro mundial serão apresentadas gratuitamente na cidade portuária nos dias 19, 20 e 21 de março. A Cia Club Noir é quem responde pelo projeto Peep Classic Ésquilo, que apresenta todas as tragédias do autor. Serão duas peças por dia, totalizando as seis do projeto. Esta é a primeira vez no Brasil (e também no âmbito internacional) que uma companhia encena todas as obras do primeiro autor da história do teatro. O projeto foi contemplado pelo Programa Petrobras Distribuidora de Cultura 2013-2014 e, além de Itajaí, irá circular por oito cidades brasileiras. O patrocínio é da Petrobras e do Governo Federal.

Os espetáculos terão entrada gratuita e serão realizados no Teatro Municipal (Rua Gregório Chaves, 110, Fazenda), sempre a partir das 20h30min. “As obras serão apresentadas de uma maneira surpreendente, que potencializa radicalmente a pesquisa da companhia: todas as obras serão encenadas dentro de um cubo formado por linhas metálicas, sem trilha sonora alguma, explorando as inúmeras modulações e texturas das vozes dos atores, e tendo como iluminação apenas uma única lâmpada fluorescente, que delineia tenuemente a imobilidade das figuras em cena”, explica o diretor Roberto Alvim.

O projeto Peep Classic Ésquilo pretende proporcionar ao público uma experienciação estética imprevisível e autônoma, através do diálogo com obras de arte que se localizam fora de qualquer tempo específico ou contexto cultural.

 

Palestra e debate

Além da apresentação das seis tragédias gregas, a companhia Club Noir também fará uma palestra com o diretor Roberto Alvim na quinta-feira (20/3), às 16h, no Teatro Municipal de Itajaí. Ele falará sobre “O Teatro Grego: origem e contemporaneidade”. Diretor, professor e dramaturgo, Roberto Alvim, traçará um panorama histórico das origens do teatro na Grécia antiga; os sentidos do fenômeno trágico; e os desdobramentos e diálogos da poética fundante de Ésquilo na contemporaneidade (nos âmbitos filosófico e artístico).

No mesmo dia, após a apresentação das peças, os atores da companhia Club Noir conversarão com o público. O elenco do projeto Peep Classic Ésquilo falará com o público local sobre as peculiaridades da atuação em tragédias, sintetizando a pesquisa que envolveu o grupo durante a montagem dos espetáculos. Ambas as atividades são oferecidas gratuitamente.

 

Serviço

O quê: Projeto Peep Classic Ésquilo, da Cia Club Noir de São Paulo

Quando: dias 19, 20 e 21 de março, às 20h30min

Onde: Teatro Municipal de Itajaí

Entrada: gratuita

Apoio Cultural: Sesc Itajaí

Produção local: Téspis Cia de Teatro

 

Cronograma

Primeira noite (19/3 – quarta-feira)

“As Suplicantes” e “Os Persas”

Duração: 50m

Faixa etária indicada: 18 anos

 

Segunda noite (20/3 – quinta-feira)

“Orestéia I” e “Orestéia II”  

Duração: 50m

Faixa etária indicada: 18 anos

 

Terceira noite (21/3 – sexta-feira)

“Sete contra Tebas” e “Prometeu

Duração: 50m

Faixa etária indicada: 18 anos

 

Sobre as peças

As Suplicantes:

É a primeira peça que se tem registro em toda a história do teatro. A obra proporciona a experienciação do dilaceramento de indivíduos pelos turbilhões incontroláveis das pulsões: a sexualidade como enigma indecifrável. Sinopse: Um grupo de mulheres, fugindo desesperadamente de um grupo de homens que querem desposá-las, buscam refúgio em um país estrangeiro.

 

Os Persas:

Aqui o retrato do dilaceramento pela guerra de toda uma civilização. Sinopse: O gigantesco império persa, liderado por Xerxes, é aniquilado pelos gregos.

 

Sete Contra Tebas:

A obra conduz à escolha deliberada pela morte como forma de se irmanar ao medo do implacável. Sinopse: Um exército comandado por sete guerreiros monstruosos tenta invadir e destruir a cidade de Tebas.

 

Prometeu:

É a proposição de uma habitação da vida (que ecoa a visão do filósofo pré-socrático Heráclito) cuja configuração é a de alteridade radical em relação a modo hegemônico de estruturação psíquica. Sinopse: Por dar o fogo aos homens, o deus Prometeu é acorrentado por outros deuses ao cume de uma montanha, onde deverá permanecer preso por toda a eternidade.

 

Orestéia:

A trilogia Orestéia (composta pelas tragédias: Agamêmnon; As Coéforas; e As Eumênides) é a obra final de Ésquilo. Neste trabalho, o autor grego faz seu voto inevitável – posto que incontornável – em prol do caminhar para além da pulsão de morte: não se trata aqui do retorno ao útero materno, mas sim da chegada a uma instância existencial para além do homem.

 

Orestéia I:

O rei Agamêmnon retorna de Tróia, após ter vencido a guerra, e é assassinado por sua esposa, Clitemnestra.

 

Orestéia II:

Orestes, filho de Agamêmnon e Clitemnestra, volta a casa para vingar a morte de seu pai, assassinando a própria mãe. Em seguida, sentindo a loucura se aproximar, foge.

 

FICHA TÉCNICA

Gênero: Tragédia

Dramaturgia original: Ésquilo

Direção e adaptação: Roberto Alvim

Com os atores da cia CLUB NOIR: Juliana Galdino, Paula Spinelli, Gabriela Ramos, Martina Gallarza, Bruno Ribeiro, Fernando Gimenes, Marcelo Rorato, Renato Forner e Ricardo Grasson

Direção de Produção: Juliana Galdino

Produção Executiva: Danielle Cabral

Produtor de Operações: Marcelo Rorato

Cenário e iluminação: Roberto Alvim

Figurinos: Juliana Galdino

Fotografias: Julieta Bacchin

Arte gráfica: Felipe Uchôa

 

O que disseram sobre o projeto Peep Classic Ésquilo

Folha de São Paulo (28/12/2012)

Melhor Estreia Nacional de Teatro. Encenação de tragédias de Ésquilo é dos fatos mais notáveis do teatro neste ano.

 

Revista Bravo

As estrelas de 2012. Indicação ao Prêmio Bravo de Cultura

 

Estado de SP (08/06/2012)

As Suplicantes inicia temporada de Ésquilo

 

Luis Fernando Ramos (professor da USP e crítico de teatro da Folha de SP)

Peep Classic Ésquilo: quase teatro, ou muito mais que isto: teatro transformado em arte contemporânea.

 


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.