- PUBLICIDADE -

Foto de PM segurando criança durante protesto em BC repercute na rede

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

A foto que repercutiu nas redes sociais.
A foto que repercutiu nas redes sociais.

Nesta quinta-feira (20), o responsável pela fotografia que gerou mais de 2.550 compartilhamentos em redes sociais e que apareceu em diversos jornais pelo estado, Guilherme Hartmann, compareceu ao 12º Batalhão de Polícia Militar para conversar sobre a fotografia, onde a soldado Marli da Silva está segurando uma criança no colo durante o protesto de Balneário Camboriú no dia 18.

Guilherme tem 24 anos e é empresário, e conta que tira fotografias por hobby e se surpreendeu com a repercussão que a fotografia gerou. “Fiquei feliz com a mensagem positiva que a imagem conseguiu passar para as pessoas”, relata durante a visita. “Todo mundo estava querendo uma foto para mostrar o lado bonito e pacífico dos protestos”.

Sobre a fotografia, a soldado Marli conta que “foi tirada quando a mãe da criança perguntou ‘filho, não quer tirar uma foto com a tia?’”, ri a policial militar e concorda com Guilherme que nenhum dos dois imaginou que teria tanta repercussão positiva.

Ao final do encontro, o tenente coronel Marcello Martinez Hipólito, comandante do Batalhão, presenteou Guilherme com um livro de sua autoria e com um pequeno quadro com o Brasão da Polícia Militar em reconhecimento.

Guilherme foi recebido no 12º BPM. Foto: Divulgação.
Guilherme foi recebido no 12º BPM. Foto: Divulgação.


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.