- PUBLICIDADE -

Procon realiza pesquisa de preços para a Páscoa

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

O Fundo Municipal de Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon), realizou na primeira quinzena de março, pesquisa de preço in loco nos supermercados e peixarias do município para analisar vendas de produtos para a Semana Santa e Páscoa, especialmente peixes e chocolates.

De acordo com a pesquisa, os ovos de páscoa tiveram, em média, um aumento de 1,32% em relação ao ano passado. Já os peixes passaram dos 18%. A pesquisa tem o objetivo de alertar os consumidores na hora das compras de Páscoa.

Nena Amorim, diretora do Procon, orienta o consumidor à pesquisar o preço do mesmo produto em diversos estabelecimentos, pois o valor pode variar de um lugar a outro. Outra dica é observar se o rótulo contém informações como data de validade, peso líquido e composição. Também é importante ficar atento ao peso dos ovos, pois as numerações indicadas pelos fabricantes não são equivalentes entre marcas.

“Nos ovos de chocolate com brinquedos dentro, o consumidor deve observar se a embalagem traz o selo do INMETRO e idade recomendável”, recomenta Nena Amorim. Ela também orienta quanto à embalagem, que deve estar em boas condições de armazenamento, longe de produtos de limpeza, odor forte e qualquer fonte de calor. Se optar por chocolates em promoção, com informação de que estão quebrados, normalmente mais baratos que outros em perfeitas condições, o fornecedor não será obrigado a trocar o produto.

Ao optar por produtos de fabricações caseiras solicite uma visitação à cozinha e degustação do produto antes da compra. Os fornecedores de produtos artesanais, além de terem de seguir as mesmas regras de comercialização dos industrializados, também estão obrigados a fornecer nota fiscal.

Já na hora de comprar peixes, os frescos têm que estar conservados em gelo. Observe se os olhos estão brilhantes e as escamas bem presas ao corpo. No caso do peixe congelado e os vendidos em embalagens, devem ser conservados sempre a temperaturas inferiores a 18 graus negativos e resfriados, abaixo de zero grau. Verifique no rótulo o registro no órgão de fiscalização competente, indicação de temperatura para conservação, data de acondicionamento e prazo de validade.

Abaixo, a planilha com comparativo de média geral percentual entre preços de 2011 e 2012 e a média geral de preços em 2012:


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.