- PUBLICIDADE -

Vândalos causam prejuízo ao Brilhos de Natal

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

enfeite
Na foto, o Papai Noel que teve sua cabeça arrancada e saxofone levado pelos vândalos.

Cerca de R$ 3 mil é o valor estimado do prejuízo já causado com a depredação de itens da decoração natalina do projeto Brilhos de Natal, em Balneário Camboriú. O vandalismo tem sido percebido em dois locais, na praça da Avenida Martin Luther – próximo ao viaduto que dá acesso ao Cristo Luz – e na praça Higino João Pio, que fica entre as avenidas Brasil, Atlântica e Alvin Bauer.

Segundo informa Luciana Zanini, uma das responsáveis pela decoração natalina nestes dois locais e funcionária do Centro de Treinamento Comunitário – CTC, o modo de operação dos vândalos, nas duas praças, se assemelha. “Nos locais foram arrancadas cabeças de Papais Noeis, sendo que na Avenida Martin Luther ainda foi levado um gnomo pequeno e um Papai Noel também de pequeno porte. Na Praça Higino Pio tivemos mangueiras de luz arrebentadas e uma caixa de presente inutilizada”, lamentou.

Além do prejuízo material, o vandalismo causa danos financeiros pelo valor empregado em mão de obra. Segundo Luciana, não existe verba para a reposição das peças. “Ainda temos o complicador de não encontrarmos mais itens para a recolocação, por isso, os enfeites estragados são recolhidos ao CTC. Tem que haver conscientização da comunidade e temos que reforçar a segurança no local, talvez com câmeras de monitoramento ou vigilância patrimonial”, pontua.

O secretário de Turismo, Carlos Humberto Silva, está indignado com as ocorrências de depredação verificadas. “Estou muito entristecido, pois acompanhei o pessoal do CTC trabalhar até a meia-noite em alguns dias. Não consigo entender como pode alguém vandalizar a coisa pública, principalmente enfeites natalinos”, questiona Carlos Humberto, fazendo um apelo à sociedade para que ajude a cuidar e denunciar os vândalos.

O secretário de Segurança, Nilson Probst, também lamentou a ação contra o projeto Brilhos de Natal. Ele informou que apesar de ainda não existirem câmeras de monitoramento nas praças Higino Pio e na Martin Luther, para os próximos dois anos serão instalados 400 equipamentos com essa finalidade no centro, bairros e em praças públicas. “Estamos realizando um trabalho com os guardas patrimoniais e municipais, mas não temos como manter vigilância 24 horas na praça do binário, então ordenamos rondas constantes, com intervalo de 15 a 20 minutos no local”. Sobre a ocorrência na Higino Pio, Probst disse que irá apurar os fatos.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.