- PUBLICIDADE -

Itajaí recebe R$ 1,5 milhão do Cartão de Pagamento de Defesa Civil

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

cartaoO Prefeito de Itajaí recebeu nesta terça-feira (13), em Florianópolis, do Ministro de Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, o Cartão de Pagamento de Defesa Civil (CPDC), do Ministério da Integração Nacional. Itajaí foi uma das cinco cidades beneficiadas neste primeiro momento e irá receber R$ 1.500.000,00 que irá atender ações imediatas de socorro, assistência às vítimas e restabelecimento de serviços essenciais. Acompanharam o Prefeito, o Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional de Itajaí, Fabrício de Oliveira e o Coordenador da Defesa Civil de Itajaí.

Santa Catarina será o primeiro estado a utilizar o CPDC. O valor do repasse totaliza R$ 13 milhões e será dividido a 19 municípios contemplados de acordo com a dimensão dos estragos e pela quantidade de desabrigados e de desalojados.

Segundo dados da Secretaria da Defesa Civil Estadual, na tarde desta terça-feira, as enchentes, que decorreram de 7 a 9 de setembro, atingiram 95 municípios catarinenses, principalmente nas regiões do Alto Vale e Vale do Itajaí, deixando 978.580 pessoas afetadas, 162.272 desalojados, 15.422 desabrigados e provocando três óbitos.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.