Divulgação

Focada na recuperação das vias e locais da cidade que detém maior concentração de pessoas, a Secretaria de Obras de Balneário Camboriú trabalha, desde a madrugada desta quinta-feira (11), de forma ininterrupta. A grande quantidade de chuva provocou alagamentos e ruptura do solo em diversos locais do Município.

“O governo como um todo está trabalhando para a recuperação da cidade. Nós da Secretaria de Obras, assim como a Defesa Civil e outros órgãos governamentais, estamos nas ruas limpando e recuperando, primeiramente, os locais onde as pessoas se encontram. Nesta tarde de quinta-feira a Praia Central, na altura da Praça Almirante Tamandaré, já está parcialmente recuperada e recebendo os banhistas”, relata o secretário de Planejamento e Obras, engenheiro Edson Kratz, que acompanha os serviços das equipes, in loco.

Os Sete Eixos de Atuação da Secretaria de Obras trabalham desde a madrugada de quinta-feira, não só no socorro às famílias, mas também na limpeza e recuperação das principais vias. Retirada de barro das ruas; recolhimento de móveis e objetos retirados das casas pela população; desobstrução de bocas de lobo; retirada de árvores que caíram com a força do vento em vias como a Martim Luther; Rua Daniel Anastácio Fraga (Morro da Sutepa) e no Bairro de Taquaras.

Na Rua Indonésia, no Bairro das Nações, os remendos que estavam sendo reformados pela empresa responsável pela instalação de água e esgoto da via cederam por causa da chuva. Desde cedo, a Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (EMASA) está trabalhando com duas máquinas e duas equipes para deixar a via transitável para a população.

Praia Central

Além da limpeza na areia da Praia com a equipe da concessionária Ambiental e maquinários e funcionários da Secretaria de Obras; a ciclofaixa e via da Avenida Atlântica foram varridas e lavadas, deixando o local pronto para receber os banhistas.

Região Sul

Das seis praias agrestes de Balneário Camboriú – Laranjeiras; Taquarinhas; Taquaras, Estaleiro e Estaleirinho; a que ficou bastante danificada foi a de Laranjeiras; as demais não tiveram maiores problemas. Em Taquaras a queda de uma árvore mobilizou uma das equipes da Secretaria de Obras, que já resolveu o problema.

O Rio das Ostras saiu da calha causando estragos aos bairros São Judas, Nova Esperança e Loteamento Schultz. As ruas estão sendo lavadas para retirada do barro; muitos móveis e utensílios deixados nas calçadas, retirados das casas atingidas estão sendo coletados, em caráter emergencial, pela Secretaria de Obras.

“Não conseguiremos arrumar tudo em curto espaço de tempo, mas vamos seguir trabalhando, sempre priorizando as principais vias, até para agilizar a limpeza e melhoria das ruas e avenidas dos trajetos dos transportes coletivos”, finaliza o Secretário.

Na Rua Indonésia, no Bairro das Nações, os remendos que estavam sendo reformados pela empresa responsável pela instalação de água e esgoto da via cederam por causa da chuva. Desde cedo, a Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (EMASA) está trabalhando com duas máquinas e duas equipes para deixar a via transitável para a população.


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)